Login Utilizador

Conta

Quem é Português aprende a Desenrascar, e este é o Blog!

desenrascar.com

Um Blog de partilha de opinião, ideias e desenrascanços, totalmente em português pt-pt



Categorias


Últimos Posts

Publicidade

Alugar Carro Barato em Ponta Delgada, Açores

Alugar Carro Barato Ilha de São Miguel, Açores

Alugar Carro Barato Cidade do Porto

Alugar Carro Barato Aeroporto do Porto, Portugal

Qual a melhor plataforma para ecommerce open source

Este é um tema muito difícil pois com o grande número de soluções open source para ecommerce (lojas online) já disponíveis, é sempre muito difícil escolher para começar ou até mesmo escolher para mudar, mas no que se prende com mudar, a coisa fica mais complicada de escolher, pois se a loja já tem muitos produtos e clientes (muitos dados), fazer a transição nunca é fácil e levamos sempre a adiar dar o salto.

Eu comecei a utilizar soluções de ecommerce open source já em 2007, testei o Magento, PrestaShop, Opencart, osCommerce, Zen Cart e VirtueMart (Joomla), na altura depois de fazer muitos testes optei pelo Opencart, a começar na altura e gostei da forma simples e fácil que podíamos personalizar a plataforma a rapidez e a forma simples e organizada em que o código fonte era desenvolvido, com uma comunidade muito grande e de inter-ajuda incrível e foi isso tudo que me fez escolher Opencart para desenvolver lojas online.

Mas como procuro sempre conhecer outras soluções de vez em quando vou espreitando as outras ofertas disponíveis e não é que encontrei um PrestaShop este ano de 2018 na sua versão 1.7x, com uma grande evolução e com funcionalidades bem interessantes, o que não era à uns anos atrás, e então decidi instalar e utilizar o PrestaShop e a experiência ao contrário que eu esperava está a ser muito boa, vejo que cresceu muito, também com uma grande comunidade e com uma enorme oferta de módulos e temas, mas ai são a pagar, quase tudo no PrestaShop tem um preço, excepto a própria plataforma de ecommerce que á grátis.

Para quem quer ter uma loja em PrestaShop e não estar dependente de nada, o melhor e "afiambrar" o código fonte dele e começar a desenvolver os seus próprios temas e módulos, tal como em qualquer outro open source, mas esta solução de ecommerce oferecida pela PrestaShop já vem de base com um tema mais actualizado e cuidado em Bootstrap 4.0 e com muitos módulos já incluídos e grátis que já permite lançar uma boa loja online sem ser necessário gastar dinheiro.

Também a gestão de categorias, produtos, clientes, encomendas, etc... á muito simples, chegando lá num simples click. É mesmo incrível a simplicidade com que as coisas estão disponíveis no BackOffice do PrestaShop, para quem vai gerir a loja não é necessário andar à procura de onde estão as coisas, mesmo muito fácil e intuitivo.

Em termos de performance, testei uma loja com à volta de 10.000 produtos e Volilá, a loja corre com uma grande fluidez, mesmo excelente em desempenho, que é uma das coisas que debato-me todos os dias por melhorar, gosto de ver as coisas a mexer, e está provado que tudo o que é lento é meio caminho andado para perder clientes.

Para quem utilizar a plataforma de ecommerce da PrestaShop com importação de ficheiro de stock ou para carregar dados de B2B, é muito simples e funciona mesmo sem mais nenhum extra, já vem incluído de raiz no PrestaShop, também testei para criar toda a loja, tudo com base em ficheiros .cvs, contendo categorias, produtos, combinações e marcas, tudo funcionou direitinho e sem problemas.

Resumindo, para quem vai começar agora com uma loja online e procura uma ferramenta open source à altura e para o futuro, penso que deve experimentar o PrestaShop, afinal não custa nada e vale mesmo a pena dar uma vista de olhos porque vai gostar.

Grande Abraço,

Desenrascador